Usar ou não Azulejos? Tendências e dicas de utilização para decorar a casa com cerâmica

Usar ou não Azulejos Tendências e dicas de utilização para decorar a casa com cerâmica

As áreas que normalmente utilizam mais decoração com Azulejos e revestimentos cerâmicos são as cozinhas e banheiros. Porém, nada impede que que outras áreas, como por exemplo em quartos, salas, hall de entrada e outros espaços seja decorados com azulejos ou Cerâmicas.

A Mosaico Acabamentos é Especialista em #Acabamentos para #Construções#Obras e #Reformas.
📍🏠 Endereço: Avenhida Portugal, 5324 – Itapoã, Belo Horizonte – MG.⁣
⏰ Horário de funcionamento é de segunda a sexta de 08h às 18h e aos sábados de 08 às 13h. ⁣

Solicite a sua cotação conosco (31) 3455-8006

Selecionamos algumas sugestões de como revestir paredes e pavimentos com azulejos e como incluí-los na remodelação da casa. Apresentamos ainda as vantagens e desvantagens, mas também algumas inspirações de estilos que podes utilizar para decorar a casa com cerâmica.

Em que divisões e contextos é recomendado (ou não) o uso de azulejo

A cozinha

Começamos pela cozinha que é uma área onde se privilegia a utilização do revestimento cerâmico. Sendo um espaço onde se concentram altos níveis de humidade, fumos, odores, manchas, camadas de gordura, entre outros elementos, é sem dúvida o material que faz mais sentido utilizar nesta zona, tanto pela sua resistência, assim como pela facilidade de limpeza e manutenção.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

A casa de banho

A casa de banho é a segunda divisão onde mais se utiliza cerâmica como revestimento de paredes e pavimentos. A escolha deste tipo de revestimento para a casa de banho prende-se com os mesmos fatores que o tornam o tipo de revestimento mais popular nas cozinhas: a resistência à humidade e facilidade de limpeza, para além da sua dimensão decorativa. Embora não seja absolutamente necessária, a sua utilização em toda a casa de banho é fundamental a sua aplicação em zonas mais sujeitas a escorrências de água, como a zona de duche, lavatório ou bidé.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

O quarto

O quarto é, possivelmente, a área mais improvável para a utilização de cerâmica, sobretudo ao nível do revestimento de paredes. Uma boa forma de incorporar cerâmica num quarto é apostar em materiais mate, que criam uma sensação de conforto e bem-estar. Os revestimentos com relevo (ou imitação de pedra) também são uma boa opção para estes espaços, criando ambientes calorosos, com elevada sensação de conforto.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

A sala de estar

A sala de estar é igualmente uma divisão com menor probabilidade de uso de cerâmica como revestimento de parede, contudo, ainda que com um fim mais decorativo do que funcional, a sua utilização é possível, nomeadamente em áreas de lareira ou em paredes que se pretendem diferenciar.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

A sala de jantar

A sala de jantar pode funcionar como uma extensão da área de trabalho – a cozinha. Trata-se de um espaço de convívio que, cada vez mais, está ligado à cozinha, promovendo desta forma, o convívio durante a conceção e degustação das refeições. Assim, a harmonização entre estas duas áreas é possível e desejável, sendo a utilização da cerâmica neste contexto, uma excelente solução.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Hall de entrada, áreas de passagem e circulação

Muitas vezes estes espaços são descurados por se tratar apenas de áreas de passagem. Porém, há formas de valorizar estes espaços com produtos cerâmicos. Por que não criar uma parede altamente diferenciadora e que cause um impacto imediato logo à entrada de sua casa?

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Vantagens do azulejo

O processo de escolha do revestimento ideal para uma casa ou apartamento é uma etapa importante de um projeto, que pode não ser uma tarefa fácil. Seja no âmbito da nova construção ou no da remodelação, uma má escolha do acabamento cerâmico, pode resultar numa área inestética, desconfortável a nível acústico e/ou térmico ou até pouco funcional. Existem variados e significativos benefícios ao escolher revestimento cerâmico, especialmente a longo prazo, como a resistência, a durabilidade ou a facilidade de manutenção. A seguir passa-se a enumerar as principais vantagens.

Resistência à água

A elevada resistência do revestimento cerâmico e o baixo nível de absorção de água torna-o ideal para utilização em ambientes húmidos, como cozinhas, casas de banho e áreas exteriores. Por ser pouco porosa, é extremamente resistente à água e muito fácil e rápida de limpar, evitando que a água chegue às camadas inferiores. Desde que bem instalada, a cerâmica pode durar uma vida, sem ter que ser substituída.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Durabilidade

A durabilidade do revestimento cerâmico em relação a outros materiais é muito superior, tornando-o uma opção mais económica face a outros revestimentos. Uma vez aplicado, a necessidade de manutenção é reduzida; basta limpar periodicamente e evitar contacto com produtos abrasivos.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Decorativa | Variedade de design

O revestimento cerâmico deixou de ser meramente funcional e assumiu também uma função decorativa. Há materiais de elevada qualidade, mas esteticamente feios, assim como materiais baratos, mas pouco resistentes. A cerâmica consegue reunir o melhor dos dois mundos: é versátil, resistente, acessível, bonita e por conseguinte decorativa. Hoje em dia, há azulejos de todas as cores, formatos, padrões, texturas e de preços variados, que se enquadram nos mais variados orçamentos.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Preço e facilidade de aplicação

A cerâmica é um material acessível, sobretudo se a compararmos com materiais como a madeira, a pedra ou o papel de parede. Existe uma grande variedade de revestimentos acessíveis, que dão resposta às várias necessidades e orçamentos. Para além disso, a facilidade de instalação faz com que o custo da mão-de-obra seja reduzido.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Sustentabilidade

Os problemas ambientais são uma preocupação bem presente no nosso dia a dia, e é por isso que se procura, cada vez mais, incorporar materiais ecológicos na construção. A durabilidade da cerâmica faz dela um material sustentável.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Facilidade de limpeza e manutenção

Neste campo, a cerâmica apresenta uma larga vantagem sobre outros materiais, sendo a sua manutenção muito menor e, por conseguinte, mais económica. Basta uma mera passagem periódica de um pano seco ou ligeiramente húmido e os azulejos ficam limpos. Não necessita de produtos abrasivos e de manutenção constante.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Desvantagens dos azulejos

Frieza do material

Apesar das inúmeras vantagens que os revestimentos cerâmicos têm, podemos apontar como principal desvantagem o facto de ser um material mais frio, face a outros revestimentos alternativos como é o caso da madeira ou revestimento vinílico. Esta caraterística é uma grande desvantagem quando aplicado em pavimentos.

Possibilidade escorregamento

Por outro lado, quando é utilizado em zonas húmidas, onde se prevê a existência de salpicos ou grande quantidade de água no pavimento, o tipo de acabamento do revestimento cerâmico deve ser muito bem analisado, devendo-se escolher pavimentos antiderrapantes, de forma a não se tornarem escorregadios quando em contacto com a água.

Maior transmissão de ruído

Por último, a nível acústico, um pavimento cerâmico transmite mais ruído ao caminharmos sobre o mesmo do que um pavimento em madeira, laminado ou vinílico, sendo uma grande desvantagem neste campo.

Como escolher o estilo de cerâmica?  

Quando chega a altura de decorar uma casa, todos os pormenores são importantes para criar um espaço acolhedor e confortável. Para realizar esta tarefa, existem estilos para todos os gostos. Desde um ambiente clássico ao mais moderno e arrojado, é importante que o gosto e personalidade dos seus utilizadores esteja presente na escolha. Deixamos algumas inspirações de estilos que pode utilizar para decorar com cerâmica.

Orgânico

Para quem pretende uma reaproximação à natureza, o estilo orgânico poderá ser uma das melhores soluções. Este tipo de decoração traz para a sua casa os mais variados materiais naturais como as pedras, tijolos e madeiras. Para dar base ao ambiente, os tons neutros e calmos são os ideais, enquanto os azuis, verdes e amarelos contribuem para a maior luminosidade do espaço.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Moderno

Atualmente este é um conceito amplamente usado e que reflete uma estética que serve muitas vezes de tela para outras influências e estilos. Elegância, sofisticação, funcionalidade e harmonia são as palavras-chave do estilo moderno. Caraterizado por cores neutras, por vezes pontuadas por cores um pouco mais fortes, linhas retas e espaços amplos.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Minimalista

O conceito “menos é mais” nunca foi tão atual. Menos objetos e mais espaços é o lema do estilo minimalista. Ambientes baseados na simplicidade, onde predominam as linhas retas, as cores neutras e a organização na decoração. Se tem um espaço pequeno, este estilo pode ser a solução ideal, pois as cores claras em conjunto com poucos objetos permitem criar uma sensação de área mais ampla e harmoniosa.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Industrial

Este estilo está cada vez mais presente na decoração de interiores, trazendo um pouco de charme urbano para dentro das nossas casas. Entre as principais caraterísticas deste conceito estão os espaços amplos e rudimentares, as cores cinzas, o cimento, o uso de metais desgastados, bem como elementos naturais como a madeira. O industrial é assim um estilo ideal para quem quer fugir ao convencional e criar ambientes tipicamente urbanos.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Clássico

Embora atualmente surjam cada vez mais estilos de decoração, há conceitos que nunca chegaram a sair de moda. O estilo clássico reúne traços e detalhes requintados, que hoje em dia foram incrementados com o estilo moderno. Materiais nobres e espaços amplos com estruturas trabalhadas destacam-se na decoração, sendo usadas cores sóbrias e sólidas como o castanho, azulescuro, preto, vermelho e verde. Para suavizar as cores escuras deste estilo, são utilizados pormenores dourados, beges, cremes, bronzes e brancos em quantidade equilibrada.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

Retro

Quando queremos juntar o passado e o presente, lado a lado, nasce o estilo retro. Este conceito inspira-se no antigo e recria, nos dias de hoje, aquilo que já foi moda no passado. Concilia os estilos mais clássicos da cerâmica, aliada com espaços e objetos completamente atuais, criando um efeito de ousadia e rebeldia.

In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)
In “Cerâmicas Aleluia” (www.aleluia.pt)

*Este artigo contou com o apoio técnico da MELOMSpace (Vila Franca de Xira)

Via: idealista

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are makes.